Domingo na Yayá (junho de 2019): Conversa com pesquisadores sobre o bairro do Bixiga

Domingo na Yayá — Conversa com pesquisadores sobre o bairro do Bixiga

O bairro do Bixiga é dos mais plurais da cidade de São Paulo, ainda que não exista formalmente nos mapas oficiais da cidade: normalmente associado a algumas regiões no interior do distrito da Bela Vista, o Bixiga é palco para muitas manifestações culturais e memórias de grupos diversos. Marcado pela já centenária herança africana e italiana, o Bixiga também reúne imigrantes de origem de outras regiões do país, como o Nordeste, bem como de levas mais recentes de imigração (haitianos, palestinos, entre outros). Impossível de ser reduzido a um único rótulo, o Bixiga apresenta também desafios para a implementação democrática de políticas públicas que reconheçam a riqueza de sua diversidade cultural e promovam a valorização de suas muitas memórias.

Continue reading “Domingo na Yayá (junho de 2019): Conversa com pesquisadores sobre o bairro do Bixiga”

Domingo na Yayá (maio de 2019): Conversa com pesquisadores sobre o bairro do Bixiga

Conversa com pesquisadores (maio de 2019)

O bairro do Bixiga é dos mais plurais da cidade de São Paulo, ainda que não exista formalmente nos mapas oficiais da cidade: normalmente associado a algumas regiões no interior do distrito da Bela Vista, o Bixiga é palco para muitas manifestações culturais e memórias de grupos diversos. Marcado pela já centenária herança africana e italiana, o Bixiga também reúne imigrantes de origem de outras regiões do país, como o Nordeste, bem como de levas mais recentes de imigração (haitianos, palestinos, entre outros). Impossível de ser reduzido a um único rótulo, o Bixiga apresenta também desafios para a implementação democrática de políticas públicas que reconheçam a riqueza de sua diversidade cultural e promovam a valorização de suas muitas memórias.

Continue reading “Domingo na Yayá (maio de 2019): Conversa com pesquisadores sobre o bairro do Bixiga”

Domingo na Yayá (24/3): Conversa com pesquisadores — Dia internacional do direito à verdade

Domingo na Yayá (24/3/2019): conversa com pesquisadores — Dia internacional do direito à verdade

DIA INTERNACIONAL DO DIREITO À VERDADE

No dia 24 de março celebra-se o Dia Internacional do Direito à Verdade. Na data são recordadas as graves violações de direitos humanos ocorridas em regimes de exceção instalados no passado em diferentes países. O dia é reivindicado e evocado por movimentos de defesa dos direitos humanos e pelos grupos que pautam a luta pela memória, verdade e reparação às vítimas das ações e crimes cometidos pelos estados e governos no contexto desses regimes. “Para que nunca mais se repita e para nunca mais esquecer” é lema compartilhado por muitos desses movimentos, colaborando para a construção de uma memória viva e crítica dos acontecimentos traumáticos de um passado ainda recente.

Continue reading “Domingo na Yayá (24/3): Conversa com pesquisadores — Dia internacional do direito à verdade”

Domingo na Yayá (fevereiro de 2019): Conversa com pesquisadores

Domingo na Yayá (fevereiro de 2019): Conversas com pesquisadores

Em fevereiro de 2019 o Centro de Preservação Cultural inicia um ciclo de Conversas com pesquisadores durante seus tradicionais Domingos na Yayá: rodas de conversa com especialistas e pesquisadores do campo do patrimônio cultural, com o objetivo de promover a divulgação científica e a aproximação entre o universo acadêmico e a sociedade em geral.

As conversas são uma oportunidade para conhecer os pesquisadores e seus objetos de investigação, além de proporcionar um espaço para debate e troca de conhecimento.

Continue reading “Domingo na Yayá (fevereiro de 2019): Conversa com pesquisadores”

Domingo na Yayá (2/12): CoralUSP Grupo Dona Yayá

O  Coral Dona Yayá volta à programação do CPC no dia 2 de dezembro com o repertório Músicas do Bixiga e de São Paulo. O grupo vai interpretar sambas de grandes nomes da música popular brasileira, como Geraldo Filme, Paulo Vanzolini e Adoniran Barbosa, e canções de compositores atuais, como Kiko Dinucci e Celso Viáfora. A proposta desse projeto é investigar o ambiente sonoro da região do Bixiga e seu entorno através de arranjos originais para coro. Segundo o regente Mauro Aulicino, o Bixiga – ou Bela Vista –  integrou junto a outros bairros de São Paulo,  como a Sé, Liberdade, Glicério, Barra Funda e Casa Verde, uma rede de vivência muito rica de criação cultural popular na cidade, e é esta manifestação popular que o repertório do grupo tem procurado recriar”.

Essa apresentação é fruto da parceria entre o CPC  e o CoralUSP.  Com mais de 50 anos de exsitência, o CoralUSP é composto por 12 grupos com diferentes propostas artísticas. Como parte do quadro da Pró-Reitoria de Cultura e Extensão da Universidade de São Paulo (PRCEU–USP), além dos ensaios e apresentações o CoralUSP mantém um programa didático organizado pelas equipes das áreas de técnica vocal e estruturação musical, de modo a estimular nos coralistas o interesse pelo conhecimento da música e seus aspectos teóricos.

Continue reading “Domingo na Yayá (2/12): CoralUSP Grupo Dona Yayá”

Domingo na Yayá (21/10) : CoralUSP Grupo Lapa

O grupo Lapa (antigo grupo Tendal) comemora 20 anos de existência com esta apresentação que faz uma retrospectiva do seu repertório com o projeto “ESTAÇÃO LAPA – 20 anos de um Coralusp espalhado por toda São Paulo”. O grupo foi formado pela regente Helena Maria Starzynski na Estação Ciência, centro de difusão científica e cultural da USP que funcionava no bairro da Lapa. Hoje sediado Prefeitura Regional LAPA, e desde 2003 sob a regência de Mauro Aulicino, reúne cantores de várias regiões da Grande São Paulo, espelhando a diversidade que compõe nossa cidade. O repertório é voltado para a música popular brasileira e suas influências: passa pela bossa-nova, os afro-sambas de Baden Powell e Vinícius de Morais, até chegar aos compositores, músicos, compositores, arranjadores e produtores que estão trilhando hoje um caminho de continuação da MPB.

Continue reading “Domingo na Yayá (21/10) : CoralUSP Grupo Lapa”

Domingo na Yayá (23/9): CoralUSP Grupo Feminino

Domingo na Yayá (23/9): CoralUSP Grupo Feminino

O grupo, formado apenas por mulheres, tem como proposta musical divulgar a obra coral composta para vozes femininas como projeto “O canto das sereias — em canto”. O programa é composto por peças do repertório universal para coro feminino, compreendendo peças eruditas e populares, sacras e profanas, a capella ou com acompanhamento de piano e percussão. A regência é de Paula Christina Monteiro.

Continue reading “Domingo na Yayá (23/9): CoralUSP Grupo Feminino”

Domingo na Yayá (5/8): Grupo Mãe D’Água

Formado em 2018, o grupo Mãe D’Água se dedica à pesquisa e à interpretação do repertório da música popular brasileira por meio de arranjos originais, transitando por uma grande pluralidade de sonoridades e gêneros musicais. Para esta apresentação o grupo faz um apanhado da produção de mulheres compositoras, interpretando obras de autoras como Joyce Moreno, Dolores Duran, Chiquinha Gonzaga e Marlui Miranda. O programa vai percorrer estilos musicais, como a bossa nova, o choro e a música caipira.

Os integrantes do grupo Mãe D’Água são Lorena Galati (voz), Alex Amaral (violão), Luísa Carvalho (flauta), Salomão Sidharta (clarinete), Moisés Lessa (fagote) e Daniel Alfaro (percussão).

 

Local:
CPC/Casa de Dona Yayá
Rua Major Diogo, 353 – Bela VIsta – Sâo Paulo-SP

Data:
5/8/2018

Horário:
Abertura da Casa às 10h
Apresentação às 11h

Entrada gratuita

Domingo na Yayá (20/5): Coralusp Dona Yayá

Chamada para o Domingo na Yayá (20/5/2018): Coralusp Dona Yayá.

No próximo domingo, 20/5, o Coral Dona Yayá interpreta sambas de grandes nomes da música popular brasileira, como Geraldo Filme, Paulo Vanzolini e Adoniran Barbosa, canções de compositores atuais, como Kiko Dinucci e Celso Viáfora. A proposta do grupo é investigar o ambiente sonoro da região do Bixiga e seu entorno através de arranjos originais para coro. A regência é de Mauro Aulicino.

O CoralUSP foi criado em 1967, pelo maestro Benito Juarez e por José Luiz Visconti, e hoje tem 13 grupos pos com diferentes propostas artísticas,que reúnem 500 coralistas. Ao longo de seus 50 anos de existência desenvolveu um estilo próprio, aproximando o erudito e o popular, reunindo em seu repertório coral os mais diversos gêneros musicais. Como parte do quadro da Pró-Reitoria de Cultura e Extensão da Universidade de São Paulo (PRCEU–USP), além dos ensaios e apresentações o CoralUSP mantém um programa didático organizado pelas equipes das áreas de técnica vocal e estruturação musical, de modo a estimular nos coralistas o interesse pelo conhecimento da música e seus aspectos teóricos. Possui um acervo variado de obras corais, majoritariamente composto por arranjos de música popular brasileira, especialmente arranjos elaborados por Damiano Cozzella, disponíveis para consulta.

Data:
20/5/2018

Horário:
Abertura da Casa às 10h
Apresentação às 11h

Entrada gratuita